Faculdade Soberana
Governo Municipal

Após conversa com ministro, prefeito Miguel Coelho consegue adesão de Petrolina ao programa 'Criança Feliz'

O município de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, não aparece na lista dos municípios contemplados pelo programa 'Criança Feliz', do Governo Federal. A iniciativa promove o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância. O município sertanejo ficou fora da lista devido ao baixo ID-CRAS (Índice de Desenvolvimento dos Centros de Referências da Assistência Social) no ano de 2015.
Para participar do programa, o índice – que mede a qualidade dos serviços prestados nos CRAS, além da quantidade de equipes e da estrutura física dos centros – deve chegar a 3. Petrolina, em 2015, teve a média de 2.33, tornando o município inelegível para participar da iniciativa. “Mesmo sendo considerada cidade de grande porte, Petrolina ficou fora do programa devido ao ID-CRAS de 2015, que foi bem menor que 3. Municípios menores, como Cabrobó, Parnamirim e Ouricuri, por exemplo, alcançaram o índice de 3.33, enquanto Petrolina ficou abaixo de 2.5”, explicou a secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos de Petrolina, Kátia Carvalho.
A boa notícia é que o prefeito Miguel Coelho conseguiu inserir Petrolina no programa após uma visita, no início deste mês, ao ministro de Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra. Na oportunidade, o gestor se comprometeu a mudar a realidade encontrada nos CRAS do município. “Já estamos trabalhando na reestruturação física e inserindo a equipe de busca ativa nas unidades. Encontramos centros sem acessibilidade, profissionais insuficientes e até um CRAS que funcionava dentro de uma AME”, destacou.
Programa Criança Feliz
O programa Criança Feliz prioriza gestantes e crianças de até três anos beneficiárias do Bolsa Família, e as de até seis anos e suas famílias beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada (BPC). O ponto central da iniciativa é a visitação domiciliar. Técnicos capacitados vão até as casas das famílias para mostrar aos pais a maneira correta de estimular o desenvolvimento dos filhos, principalmente nos primeiros mil dias de vida da criança.
Por: Monyk Arcanjo
Coordenadora de Imprensa da Prefeitura de Petrolina

Editor: Nelson Fontes

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.