Faculdade Soberana
Brasil

Destino do delator Joesley é desconhecido até por familiares após ameaças

Pessoas ligadas aos irmãos Batista afirmam que eles não estão se divertindo, fora do Brasil, como tem sido comentado país afora. Segundo interlocutores do grupo JBS, Joesley decidiu ir para Nova York depois de ameaças terem sido feitas a ele e à família, enquanto Wesley segue trabalhando normalmente, no escritório da empresa.

Na última semana, Joesley causou uma crise no mundo político brasileiro, ao envolver nomes de peso em sua delação, como o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves, que aparecem em conversas gravadas pelo empresário.
Em seu depoimento aos investigadores da Lava Jato, Joesley também citou nomes da Polícia Militar e políticos suspeitos de ligação com as milícias do Rio.
De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, com base em informações repassadas por conhecidos de Joesley, o empresário chegou a passar três dias em Nova York, mas deixou a cidade há uma semana, com filha, neto e outros parentes.
Ele teria sido orientado pelas autoridades a não informar seu paradeiro nem aos mais próximos, por receio de interceptações telefônicas ilegais.

Por: Notícias ao Minuto

Editor: Nelson Fontes

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.