DRAVEL
Meio Hambiente

Ação da Codevasf no rio Salitre garante água e promove recuperação hidroambiental no norte baiano

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) concluiu novas ações de desassoreamento e limpeza na calha do rio Salitre, um dos principais afluentes do rio São Francisco no Norte da Bahia. O trabalho foi realizado pela 6ª Superintendência Regional da empresa, sediada em Juazeiro (BA).

A atuação da Codevasf voltada à preservação da estrutura hídrica do rio e ao fornecimento de água para a agricultura familiar irrigada e para a dessedentação animal beneficia atualmente cerca de trinta comunidades de pequenos agropecuaristas da região, afetada por longa estiagem.

A Companhia atendeu recentemente a demanda dos produtores familiares que integram a Associação Águas do Salitrinho por apoio em ações de desassoreamento. A associação é uma entidade criada com o apoio da Codevasf para gerir o fornecimento de água para os Salitreiros – como são chamados os moradores daquela localidade, situada no entorno do projeto de irrigação Salitre. A demanda foi apresentada em maio como uma das mais urgentes, durante seminário que reuniu entidades públicas e privadas, órgãos ambientais e instituições ligadas à agricultura para discussão de soluções para os principais problemas dos produtores.

A Codevasf disponibilizou uma máquina escavadeira hidráulica, com operador, e a Associação Águas do Salitrinho ficou responsável pelo fornecimento de combustível e pelo custeio das diárias do profissional. Os serviços de desassoreamento foram realizados em um trecho de 2.500 metros da calha do rio, o que permitiu que a captação de água ficasse acessível para mais de 320 famílias da localidade.

“Nesses tempos em que vivemos uma crise hídrica, aumentar a eficiência da distribuição da água, por meio de ações que viabilizam não só a produção agrícola dos irrigantes, como também a recuperação do rio, é um trabalho bastante satisfatório”, afirma Júlio César da Silva Santos, Gerente Regional de Empreendimentos de Irrigação da superintendência da Codevasf em Juazeiro.

O presidente da Associação Águas do Salitrinho, Roberval de Amorim Silva, destaca: “Através da parceria com a Codevasf conseguimos atender a demanda dos produtores filiados à associação”. “Ficamos muito agradecidos por esta ação que irá melhorar a eficiência do homem do campo. Além dessa transformação social, estamos contribuindo para o progresso ambiental”, acrescenta.

O superintendente regional da Codevasf em Juazeiro, Misael Neto, que acompanhou a realização dos serviços e fez vistoria na conclusão da obra, na presença do presidente da associação, avalia que a ação da Codevasf é importante para o semiárido. “Nós nos comprometemos a ceder uma máquina para fazer a limpeza da calha do rio Salitre, para melhorar sua fluidez. É com alegria que cumprimos nosso compromisso, e não vamos parar por aqui, já que a Codevasf também é parceira dos produtores do Salitrinho”, ressalta.

Rio Salitre
A Bacia do rio Salitre compreende os municípios de Morro do Chapéu, Várzea Nova, Miguel Calmon, Umburanas, Jacobina, Mirangaba, Campo Formoso e Juazeiro. Da nascente à foz, o rio percorre aproximadamente 333 quilômetros.

O solo da região do Salitre é originário do granito e calcário, que, segundo especialistas, tem excelente permeabilidade, indicado para atividades agrícolas e pecuárias, destacando-se neste caso a criação de caprinos. Estudos revelam que áreas da foz e do leito do rio possuem alta fertilidade natural, sendo propícias para irrigação.

Devido às características pedológicas, os frutos produzidos nestas áreas possuem, segundo comerciantes, um sabor diferenciado, próprio daquela região, principalmente o melão amarelo, que é comercializado em larga escala em outros estados.
ASCOM-Codevasf

Editor: Nelson Fontes

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.