Faculdade Soberana
Economia

Brasil chega a 61 milhões de brasileiros com nome sujo na praça, um record na série histórica

Uma nova pesquisa do Serasa Experian indicou que 61 milhões de brasileiros estão com nome sujo na praça.


De acordo com a entidade, trata-se de um novo recorde na série histórica, iniciada em 2012.
Entre abril e maio, mais 900 mil pessoas atrasaram o pagamento de contas e foram incluídas na lista de devedores.
Com o aumento do desemprego e a queda da renda das famílias, cada vez mais consumidores deixam de pegar dívidas como empréstimos pessoais, faturas do cartão de crédito e contas de luz e telefone.
Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o país tinha 13,8 milhões de desempregados no trimestre encerrado em maio.
Em maio, as dívidas em atraso alcançaram R$ 274,6 bilhões em maio, de acordo com os cálculos do Serasa, informou a Folha de S.Paulo.
No cheque especial, por exemplo, a inadimplência subiu de 15% para 15,5% em maio. No rotativo, foi de 34,4% para 38%, diz o BC.

Editor: Nelson Fontes

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.