SOBERANA
Clima Tempo

Terça gelada: frio pode ser recorde em várias capitais do Brasil

Os efeitos de uma grande e forte massa de ar de origem polar são sentidos no Sul, no Sudeste, no Centro-Oeste e no Nordeste do Brasil. Seu ar gelado vem derrubando a temperatura desde o sábado, 1 de julho, e nesta segunda-feira,3, várias capitais brasileiras registraram recorde de baixa temperatura.

Em Petrolina, Sertão de Pernambuco, a temperatura na madrugada desta terça-feira (04) chegou a 19ºC e um vento frio constante.

Nas capitais do Brasil os recordes já eram esperados pelos meteorologistas da Climatempo e vão ocorrer outras vezes até o fim desta semana.
Confira as capitais que podem ter recorde de baixa temperatura nesta terça-feira, 4 de julho:
Brasília (DF)duplo recorde de frio, com a madrugada e a tarde mais fria do ano, com temperatura mínima em torno de 10°C.
Goiânia (GO)duplo recorde de frio, com a madrugada e a tarde mais fria do ano, com temperatura mínima em torno de 10°C.
Belo Horizonte (MG): duplo recorde de frio, com a madrugada e a tarde mais fria do ano, com temperatura mínima em torno de 10°C. Se ocorrer, será pelo segundo dia consecutivo.
São Paulo (SP)madrugada mais fria do ano, com temperatura mínima abaixo de 10°C.
Rio de Janeiro (RJ)madrugada mais fria do ano, com temperatura mínima abaixo de 10°C, com temperatura mínima próxima de 10°C.
Vitória (ES)possibilidade de duplo recorde de frio, com a madrugada e a tarde mais fria do ano.
Salvador (BA)madrugada mais fria do ano, com temperatura mínima abaixo de 20°C.
Aracaju (SE)madrugada mais fria do ano.

Recordes de frio em capitais em 3 de julho

Em Belo Horizonte houve um duplo recorde de frio: a tarde e a madrugada mais fria do ano. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 11,8°C de temperatura mínima e máxima de apenas 19,6°C. A tarde de 3 julho foi a mais fria do ano até agora em São Paulo, com temperatura máxima de 15,8°C. Em Brasília, a temperatura máxima foi de 22,2°C e igualou o recorde de menor máxima registrado no dia 26 de junho.
O vento frio desta forte massa polar foi sentido nesta segunda-feira em fortes rajadas na costa da Bahia e derrubou a temperatura em Salvador. O aeroporto da capital baiana registrou várias rajadas entre 48 km/h e 55 km/h. A tarde de 3 de julho foi a mais fria do ano até agora com máxima de apenas 24,3°C. O recorde anterior de 24,7°C em 30 de junho.
Com informações: Climatempo

Editor: Nelson Fontes

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.