SHOE WAVE
Governo Municipal

Após chuvas, Defesa Civil vistoria áreas de risco em Petrolina, no Sertão

Equipes também orientaram a população sobre como proceder para minimizar riscos de acidentes

Diante da chuva que caiu forte em Petrolina nesta quinta-feira (04), as equipes da Defesa Civil percorreram alguns pontos da cidade para averiguar possíveis transtornos. O pessoal ainda aproveitou para atender algumas demandas registradas desde cedo. Entre as comunidades visitadas estão os bairros João de Deus e Pedra Linda, na zona norte. Além de preparar um relatório detalhado das situações encontradas, a Defesa Civil ainda fornece para as secretarias municipais informações sobre o que fazer para minimizar os problemas causados pela chuva. 

No bairro João de Deus a Defesa Civil foi acionada para verificar uma casa na rua 05 que foi invadida pela água. Preocupados com a situação, os moradores já começavam a retirar móveis e eletrodomésticos da residência. A ação segue o procedimento adotado pela Defesa Civil em situações de baixo ou médio risco. Já na rua 56, nas imediações da Unidade Básica de Saúde do bairro, muitas ruas estavam alagadas. Como não há um sistema de drenagem de águas pluviais, a Defesa Civil está articulando um plano de ação para a localidade. 

Já na rua do Jenipapo, no bairro Pedra Linda, uma família pediu apoio da Defesa Civil porque a água da chuva também estava invadindo o imóvel. Em uma quantidade menor do que no caso do João de Deus, os moradores foram orientados sobre algumas intervenções que poderiam ser feitas para resolver o problema, a exemplo da construção de um piso e uma parede na entrada da casa. 

De acordo com o agente de Defesa Civil, Welton Aquino, os bairros periféricos da cidade são aqueles considerados em áreas de risco. “Isso ocorre porque nem sempre os bairros nascem de uma forma planejada. Por isso, algumas construções vão surgindo sem considerar o fluxo das águas da chuva, um sistema de drenagem ou ainda o nível da rua. Dessa forma, quando chove, alagamentos de ruas e até de casas acabam sendo registradas em Petrolina”, explica Aquino.

PRONTIDÃO
Dentro das ações para diminuir os transtornos causados pela chuva em Petrolina, a Prefeitura está com equipes de prontidão para resolver problemas como árvores que apresentem risco de queda, desobstrução de ruas e galerias pluviais. Além disso, a Defesa Civil, que também pode contar com o efetivo da Guarda Civil Municipal, está trabalhando para atender qualquer comunidade em caso de emergência. Nestes casos, os telefones de contato da Defesa Civil são 153, (87) 3983-1044 ou (87) 3983-1773.

Texto e fotos: Felipe Pereira - AsCom Prefeitura de Petrolina

Editor: Nelson Fontes

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.