Bolsonaro aciona AGU para processar o Delegado Waldir, líder do PSL na Câmara

O deputado federal Delegado Waldir disse em áudio vazado que vai "implodir" o chefe do Executivo e o chamou de "vagabundo".

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) acionou a Advocacia-Geral da União (AGU) para processar o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO), segundo apurou o Estado. O deputado federal disse, em áudio vazado de uma reunião interna da legenda, que vai “implodir” o chefe do Executivo. Delegado Waldir, na mesma gravação, chama Bolsonaro de “vagabundo”.

Segundo uma fonte ouvida reservadamente pela reportagem, a AGU está avaliando as medidas cabíveis. Um dos pontos que devem ser considerados é a questão da imunidade parlamentar. As falas do deputado foram feitas em reunião nessa quarta-feira (16/10/2019) da ala do PSL que apoia o presidente da sigla, Luciano Bivar (PE).

Na conversa, deputados relataram que estavam sendo pressionados por Bolsonaro a assinar uma lista para destituir Waldir e apoiar o nome de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) como líder da bancada.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios