Universidade nega que Decotelli tenha feito pós-doutorado como mostrou em seu currículo

Universidade nega que Decotelli tenha feito pós-doutorado na Alemanha, e ministro altera de novo o currículo

Currículo do ministro da Educação é contestado por duas universidades. Nesta segunda, governo decidiu adiar posse para fazer ‘checagem completa’ nas informações prestadas por Carlos Alberto Decotelli da Silva.

“O Prof. Dr. Carlos Decotelli se aproximou da Profa. Dra. Brigitt Wolf para uma estadia de pesquisa de três meses em janeiro de 2016. Até 2017, ela foi professora de teoria do design, com foco em metodologia, planejamento e estratégia na Universidade de Wuppertal, e é agora emérita. Carlos Decotelli não adquiriu um título em nossa universidade. Ele não foi um pós-doc em nossa universidade. A Universidade de Wuppertal não pode se pronunciar sobre títulos adquiridos no Brasil”, informou a Universidade de Wuppertal em nota.

O governo Bolsonaro decidiu adiar a posse do novo ministro da Educação, Carlos Alberto Decotelli, prevista para a terça-feira (30). O motivo principal seria a revisão do currículo do militar economista, que teve a titulação acadêmica contestada por universidades do exterior.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar