Governo de Pernambuco rebate as informações divulgadas por Priscila Krause sobre os dados da transição

A vice-governadora de Pernambuco, Priscila Krause divulgou os dados da transição no final da tarde de segunda-feira (26). Priscila Krause mostrou as condições que se encontra o estado, e que assumirá a partir de janeiro. As informações divulgadas na coletiva com a imprensa irritaram a cúpula do PSB.

Em nota o governador Paulo Câmara (PSB) rebateu a fala de Priscila.

CONFIRA A NOTA

O Governo de Pernambuco lamenta que a vice-governadora eleita, sessenta dias após o encerramento das eleições, não tenha descido do palanque. Apesar de ter tido acesso total à mais de 26 mil páginas de documentos e colaboração irrestrita de todos os setores da administração atual, não há sinalização de propostas estruturadoras para o futuro, mas discussões pontuais sem familiaridade técnica sobre a matéria financeira. Todas as obras em andamento possuem recursos assegurados, tendo em vista que a gestão será encerrada com R$ 3 bilhões em caixa e outros R$ 3,4 bilhões em operações de crédito, com garantia da União, já pré-aprovadas. Por fim, ressaltamos que as contas do Governo de Pernambuco cumprem todas as exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal e dos órgãos de controle.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Fechar