Petrolina terá primeira Unidade Central de Comercialização de Produtos Orgânicos

usina_capa_site

A Prefeitura de Petrolina e a Codevasf celebraram nesta terça-feira (24) um convênio para a construção da Unidade Central de Comercialização de Produtos Orgânicos do Nordeste. A solenidade realizada no Gabinete do prefeito Julio Lossio, contou com a presença do superintendente regional da Codevasf em Pernambuco, João Bosco Lacerda de Alencar, da promotora do Meio Ambiente, Ana Rúbia, de vereadores, secretários municipais e agricultores orgânicos do município, principais beneficiados com o projeto.

A Unidade Central de Comercialização de Produtos Orgânicos do município é oriundo do Usina de Projetos de Petrolina e vai mudar o cenário orgânico da cidade. Segundo Marlize Mainardes, gestora da Usina, a estrutura do mercado será de primeiro mundo. “O mercado era um anseio da comunidade. Ele vai ser composto de quatro segmentos, um pavilhão para produtos in natura, outro para produtos industrializados, além de locais para tratamento de beleza. Teremos também um setor para viveiros de mudas, onde a pessoa poderá levar uma plantinha para sua casa. E por fim uma área de alimentação onde os pratos comercializados serão orgânicos. É uma concepção diferente de feira de produtos orgânicos, tudo dentro dos padrões da Anvisa”, ressalta.

A estrutura será implantada no Areia Branca, próxima a feira livre do bairro. O convênio será de R$ 260.420,00, sendo R$ 250 mil, correspondentes à Codevasf e R$ 10.420 mil de contrapartida da Prefeitura de Petrolina. Os recursos são oriundos de emenda do Deputado Federal Fernando Ferro, através da indicação do vereador Geraldo da Acerola, que afirmou estar muito satisfeito com o convênio ora celebrado. “Sou agricultor e conheço a realidade que vivemos e por isso sou um defensor da vida e da alimentação saudável”, enfatizou.

Em seu pronunciamento a promotora Ana Rúbia falou que o Mercado Orgânico é uma demanda da comunidade e que existe a necessidade de se mudar o modelo de comercialização. “Pela busca de uma vida mais saudável”. Palavras endossadas pelo superintendente da Codevasf, João Bosco Lacerda, que também se colocou como defensor da ampliação do alimento sem agrotóxicos. “Precisamos incentivar e fortalecer o orgânico e o mercado será o ponto inicial, já que aumenta a possibilidade de consumo de produtos mais saudáveis”, frisou.

Encerrando a solenidade o prefeito Julio Lossio parabenizou os agricultores orgânicos do município, pois sem suas produções esse convênio não seria possível. “A Codevasf fará o acompanhamento técnico dos trabalhos que serão executados pela Prefeitura Municipal. O projeto movimenta um novo setor no município e vamos trabalhar para que no futuro Petrolina também seja reconhecida como referência em produtos saudáveis”, concluiu.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Fechar