Aumento nas passagens de "ônibus e mototáxis" em Petrolina, a partir de 1º de janeiro de 2016

passagens

A tarifa de ônibus em Petrolina, Pernambuco, ficará mais cara em 2016. A partir de 1º de janeiro, a passagem, que custa R$ 2,80, passa para R$ 3,20, um aumento de mais de 14%.
O Decreto Nº 178, que determina a nova regulamentação das passagens, foi publicado no Diário Oficial do município na quarta-feira (30). De acordo com o documento, quem utiliza o Bilhete Integrado de Petrolina (BIP) nas modalidades ‘Cidadão’ e ‘Trabalhador’, pagará uma tarifa de (R$ 3,00), um acréscimo de R$ 0,30.

Já os estudantes que utilizam o cartão eletrônico pagarão (R$ 1,60), metade do valor do usuário regular.

Mototáxis: o decreto estabelece também o aumento nas passagens dos mototáxis. O valor ficará, a partir do dia 1º, (R$ 5,00) na área que compreende a Região Central de Petrolina até os cruzamentos com as avenidas Sete de Setembro, Cardoso de Sá e Clementino Coelho, de segunda a sexta-feira, das 7h às 20h, e aos sábados até às 15h. No trecho, a partir das 15h do sábado e aos domingos e feriados a partir das 6h, serão cobrados (R$ 7,00).

Os usuários que desejarem ir além do trecho central, em direção aos bairros periféricos, terão de pagar a tarifa do mototáxi no valor de (R$ 7,00), no horário padrão, ou (R$ 9,00), a partir das 15h do sábado e aos domingos e feriados depois das 6h. Foi reajustado também o preço do transporte até as Zonas Leste e Oeste da cidade, passando ou não pelo Centro, que ficará no valor de (R$ 9,00), durante a semana, e R$ 11 aos sábados após as 15h, domingos e feriados a partir das 6h. Fora do perímetro urbano fica livre a negociação entre mototaxista e cliente.

Lotação (Vans): também terão reajuste de 14,3% nas passagens das vans que fazem o transporte de passageiros para a Zona Rural e localidades mais afastadas do Centro do município. Em janeiro, os veículos que transportam do N1 ao N11, do C1 ao C3 e Projeto Água Viva passarão a cobrar R$ 5. O valor da van para outras localidades também aumentam: R$ 8,40 para Izacolândia, R$ 5,75 para Pedra Grande, R$ 4,75 para o Roçado, R$ 5,70 para a Tapera, R$ 4,25 para a Ilha do Massangano, R$ 4,75 para a Ilha do Rodeadouro e R$ 6,80 para o Projeto Maria Teresa.

(Via):G1-Petrolina

//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js


//

//

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar