Prefeitura de Petrolina inicia trabalho educativo nas escolas para prevenir a ‘doença do pombo’

Para evitar a doença causada pelos pombos, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) iniciou um trabalho de orientação para a população de Petrolina. A primeira ação aconteceu nesta quarta-feira (28) na Escola Monsenhor Bernardino, no bairro Vila Eulália.

Os estudantes, professores e gestores participaram de uma palestra ministrada pela coordenadora do CCZ e médica veterinária, Graziella Vasconcelos. De acordo com a veterinária, esses animais têm uma população que se reproduz muito rápido e o aumento de sua quantidade tornou-se um grave problema de saúde pública. “Fizemos essa primeira ação nessa escola, que tinha um sério problema com os pombos, e vamos retornar para fazer uma nova orientação com os pais e estudantes”, frisou.

A criptococose, mais popularmente conhecida como a “doença do pombo”, é causada por fungos do gênero Cryptococcus e pode ser encontrado nas fezes dos pombos.  “Para prevenir, é necessário evitar o contato com as fezes, e realizar a limpeza dos locais infestados. Recomenda-se o umedecimento das fezes com água, água sanitária ou outro desinfetante antes de varrer qualquer local, desde o chão, até o forro das casas”, alertou.

De acordo com a coordenadora, os interessados em receber as orientações podem procurar o Centro de Controle de Zoonoses, através do telefone 3867-4774, e solicitar uma visita da equipe. “Já estamos organizando nosso cronograma para atender a população. Nós recebemos o chamados, vamos até o local, avaliamos  as causas e   levamos todas as sugestões de modificações para evitar a permanência desses animas”, explicou.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios