Parceria da Codevasf e Transforma Petrolina garante 1.500 kg de peixes para comunidades vulneráveis

Na Semana Santa, a tradição cristã de comer peixes é inviável financeiramente para muitas famílias em condição vulnerável. Um gesto solidário, contudo, garantiu pescados a diversas comunidades de baixa renda do Sertão. A Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) doou, nesta quinta-feira (09), mais de 1.500 kg de tilápias e tambaquis para o programa solidário Transforma Petrolina.

Os pescados são oriundos de criatórios da Codevasf, em Petrolina. Por conta, do momento de calamidade de saúde e econômica vivida no País, a instituição procurou o Transforma Petrolina para mobilizar a doação de forma organizada em localidades com famílias de baixa renda. Foram beneficiadas ocupações na Vila Marcela, Cruz de Salinas entre outras regiões. Os pescados também foram doados para projetos sociais, a exemplo dos abrigos de idosos Cantinho de Aconchego, Casa de Vó e centros de apoio a dependentes químicos.

“É uma doação muito importante, num tempo difícil. A maioria dessas famílias é cristã e não tem a opção de comer peixe na Semana Santa. Então, essa doação propiciada pela Codevasf é farta em simbolismo, permite o alimento, como também celebra a fé numa época de muita dificuldade”, explica a coordenadora do Transforma Petrolina, Lara Secchi Coelho.

O superintendente da Codevasf, Aurivalter Cordeiro, acompanhou de perto a entrega dos pescados. Para ele, a resposta de gratidão da comunidade é uma demonstração de esperança em meio ao cenário de dificuldades do País. “Nesta quinta-feira de uma semana santa tão diferente, tentamos fazer a diferença na vida de outras pessoas. Foi muito bom poder ver um olhar de alegria no rosto do nosso povo em um momento de tanta apreensão.”

Fotos: Alexandre Justino

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar