Bebês que nascem no Centro de Parto Normal vão para casa com certidão de nascimento

Os bebês que nascem no Centro de Parto Normal (CPN), em Petrolina, já saem da unidade com o mais importante documento de um cidadão: a certidão de nascimento. Uma sala de registro civil interligada ao cartório instalado dentro da unidade assegura, as mães e os pais, essa certificação de registro gratuito, sem precisar se deslocar para outros pontos da cidade.

O serviço de emissão de registro civil do CPN funciona de segunda a sexta-feira das 8h às 12h e 13h às 17h. O processo é rápido e simples, os pais podem fazer o registro ainda com a mãe internada, também podem voltar para fazer posteriormente caso não estejam com a documentação necessária ou o pai esteja ausente por algum motivo.

De acordo a assistente administrativa do setor de Registro Civil, Amanda Araújo, ao dar entrada no hospital, ainda no setor de admissão, a mãe recebe as primeiras orientações sobre a emissão da certidão, a importância e documentação necessária para o registro. “Assim que os pais dão entrada da unidade, entramos em contato para entender a situação de cada família e informar qual a documentação necessária. Após receber os documentos coloco as informações em um sistema desenvolvido para o CPN, que está atrelado ao cartório sede, tudo é analisado pelo cartório e é liberado após trinta minutos. Os pais saem da unidade com a primeira via de registro de nascimento em mãos que é emitida gratuitamente”, explica.

Centro de Parto Normal 

O CPN atende mulheres com gravidez de baixo risco e conta com um ambiente aconchegante, espaços decorados, banheira, bancos adaptados, sala de deambulação (local para passeio das gestantes), cinco salas de parto, ambiente de cuidados ao recém-nascido, vacinação, sala de registro e setor administrativo. O Centro de Parto Normal fica localizado na Avenida José de Sá Maniçoba, próximo ao Hospital Universitário (HU), no centro da cidade.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Fechar