Em Petrolina, vigilância sanitária faz reunião com comerciantes de alimentos

Reunião será realizada na terça-feira (10) às 19h, no Sebrae de Petrolina.

Quem não comparecer pode ser notificado e até ter o ponto interditado.

Proprietários de estabelecimentos que fazem a venda de marmitas, bolos, doces, salgados e frango assado e outros produtos alimentícios devem participar de uma reunião com a Agência Municipal de Vigilância Sanitária na próxima terça-feira (10), às 19h, no auditório do Sebrae que fica no Centro de Convenções de Petrolina, no Sertão pernambucano.

De acordo com o diretor-presidente da Vigilância Sanitária, Jarbas Costa, durante a reunião serão fornecidas orientações de educação sanitária, visando melhorar o serviço desses comerciantes. “A nossa preocupação é com a qualidade dos produtos que estão sendo disponibilizados para população. Queremos que as pessoas adquiram a licença sanitária e saiam da informalidade”, destaca.

Esta reunião é um alerta para os comerciantes que fazem vendas de produtos alimentícios na ilegalidade. “A nossa preocupação é com a área de produção dessas pessoas que é geralmente em casa. Muitos não tem conhecimento dos procedimentos adequados de manipulação de alimentos”, relata Jarbas.

O diretor ressalta que é imprescindível o comparecimento dos responsáveis pela produção e circulação destes alimentos, já que serão esclarecidas as normas e regras sanitárias, bem como os requisitos necessários para que os estabelecimentos funcionem. “As pessoas que faltarem, vamos em busca, fazer as notificações, os pontos comerciais podem ser multados e até interditados”.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Fechar