Povo do Paulista abraça Julio Losio em caminhada no mercado

PAULISTA – O povo da cidade do Paulista abraçou Julio Lossio (Rede) neste sábado (1º), durante caminhada do candidato a governador no mercado público do centro. Ao lado do ex-prefeito e candidato a deputado federal Nena Cabral (Rede), Julio recebeu o carinho das pessoas, conversou com feirantes e comerciantes sobre os problemas do estado, e apresentou seus compromissos que integram a plataforma do Pernambuco Pode Mais.
“Nós devolveremos Pernambuco aos pernambucanos, realizando ações pensadas para melhorar a vida de cada homem, mulher e criança de todas as regiões do estado. Seremos a renovação que nossa gente precisa e merece; construindo, assim, um novo Pernambuco”, afirmou Julio.
Na ocasião, Lossio ouviu várias críticas referentes à segurança no mercado. “É um bom comércio, mas os comerciantes são obrigados a pagar segurança privada. É por isso que nós temos a proposta no nosso plano de governo de fazer uma parceria entre o estado e os municípios para fortalecer as guardas municipais, para que possam realizar essa ação preventiva nas cidades”, ressaltou.
Já em terceiro lugar nas pesquisas, o candidato vem recebendo cada vez mais adeptos ao projeto Pernambuco Pode Mais, como foi o caso de Joana Severina. “Até agora eu estava em dúvida em quem votar, mas agora já encontrei meu candidato, porque governador que é governador tem que trabalhar na rua com o povo, não lá dentro dos palácios, onde a gente não possa chegar perto”, destacou.
DISTRITO INDUSTRIAL – Antes de ir ao mercado, Lossio verificou a atual situação do Distrito Industrial de Paulista. “Aqui, nós estamos reunindo apenas os fantasmas das empresas; precisamos desenvolver uma política industrial de inovação”, propôs. Entre seus compromissos, Lossio ainda desenvolverá a indústria e o comércio exterior com foco na competitividade, com maior eficiência do estado, desburocratização, adequação tributária, educação permanente, crédito e segurança jurídica com política de reaproveitamento, reciclagem e proteção ambiental.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Clique aqui e fale com Divulga Petrolina pelo WhatsApp
Fechar