Após polêmica sobre saneamento do bairro Dom Avelar, a prefeitura de Petrolina convoca Compesa para amenizar transtornos

Moradores do bairro Dom Avelar em Petrolina, Sertão de Pernambuco, na quinta-feira (10), já cansados com esse jogo de empurra entre Compesa e Prefeitura, resolveram fechar uma avenida principal para chamar atenção dos responsáveis por problemas que são causados pela falta de saneamento.

A Compesa por sua vez divulgou uma Nota através da imprensa, onde informa que não opera o sistema de esgotamento sanitário do bairro Dom Avelar.

A Prefeitura de Petrolina nesta sexta-feira (11), chamou a Compesa para o diálogo a fim de promover ações que possam ajudar a amenizar os transtornos para os moradores do Dom Avelar. A região não possui sistema de saneamento básico, o que provoca inúmeros problemas para a comunidade, como o extravasamento de esgoto em via pública.

O secretário-executivo de Serviços Públicos, Alisson Oliveira se reuniu com a Gerente Regional da Compesa em exercício, Nadja Alencar, na entrada principal do Dom Avelar, na Avenida dos Minérios. No local, um canal está cheio de esgoto e a tarefa da ação conjunta será esvaziá-lo. Para isso, a encanação existente terá de ser desobstruída para que o esgoto possa fluir e não se acumular pelas ruas do bairro.

 A Compesa já começou o trabalho e a partir da próxima segunda-feira (14) vai ganhar um reforço de equipes da Prefeitura. Elas vão ficar responsáveis por fazer um desvio no canal, para ajudar no escoamento do esgoto acumulado, enquanto a Compesa recupera um cano que se encontra obstruído.

 De acordo com o secretário-executivo, Alisson Oliveira, com o diálogo estabelecido, quem ganha é a população. “Desde setembro do ano passado, quando a Compesa levantou da mesa de negociações para a renovação da concessão, que a parceria deixou de existir. É bom voltar a dialogar com a Companhia, já que são as pessoas que mais sofrem quando o serviço não é realizado como deveria. Estamos sempre dispostos a servir a população da melhor maneira, de acordo com a orientação do nosso prefeito Miguel Coelho”, destaca Oliveira.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Clique aqui e fale com Divulga Petrolina pelo WhatsApp
Fechar