No Dia do Psicólogo, UPAE/IMIP de Petrolina ressalta importância da multidisciplinaridade na saúde

Antigamente o conceito de saúde era muito restrito à ausência de doença e bem-estar físico, mental e social. Hoje, ampliado, refere-se às novas formas de atenção à saúde integral do indivíduo, incluindo a democratização do acesso aos cuidados de saúde mental e assistência médica. Isso sem falar dos fatores externos, como acesso aos bens de consumo, controle das reservas naturais, genética e bons hábitos de rotina, como ficou instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS). ​ ​

A Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) é um serviço que preza pelo conceito da integralidade, e, por isso, neste 27 de agosto, Dia do Psicólogo, destaca a importância da profissão na composição da sua equipe de saúde.​

O trabalho dos psicólogos em instituições de saúde teve início com a proposta de integrar a psicologia na educação médica, cujo objetivo principal era trazer mais humanização aos atendimentos. Depois, estes profissionais passaram a construir modelos alternativos aos hospitais psiquiátricos e em 1980 começaram a surgir os primeiros concursos públicos, passando o psicólogo clínico a ser parte importante da equipe de saúde.​

“Hoje, já se entende que a psicologia contribui com o bem-estar e a saúde dos indivíduos, comunidade e da sociedade como um todo. Os aspectos da saúde física e mental não podem mais ser concebidos separadamente. A psicologia envolve diversos ramos das ciências sociais, da saúde e está em constante evolução”, ressalta a psicóloga da UPAE, Tatiany Torres.​

“Fazemos parte de um sistema de saúde em rede, que busca superar o isolamento dos serviços em níveis de atenção. Por isso, a UPAE, que oferece serviços especializados, faz questão de contar com este profissional, expandindo o acolhimento e a clínica ampliada”, destaca a coordenadora geral, Grazziela Franklin, que aproveita para parabenizar a todos os profissionais pelo seu dia. ​​

A UPAE/IMIP de Petrolina dispõe do serviço de psicologia clínica na sua atenção especializada e atende a demanda interna. Ou seja, não há marcação externa. Os pacientes são encaminhados pelos profissionais da casa, como apoio diagnóstico e terapêutico.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Clique aqui e fale com Divulga Petrolina pelo WhatsApp
Fechar