A Secretaria Municipal de Saúde de Petrolina orienta sobre a segunda dose de grávidas que receberam a vacina da AstraZeneca

Seguindo orientação do Ministério da Saúde, a Prefeitura de Petrolina orienta que gestantes e puérperas que tomaram a primeira dose da vacina AstraZeneca, incluindo as que não apresentam fatores de risco adicionais, aguardem o fim da gestação e do período puerpério (até 45 dias pós-parto) para completar o esquema vacinal com o mesmo imunizante.

A suspenção da aplicação da vacina da AstraZeneca/Oxford para gestantes, ocorreu no mês de maio por recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Em Petrolina, as gestantes estão sendo imunizadas com a vacina da Pfizer no polo exclusivo do Sesc, no Centro. Não é necessário fazer o agendamento.

“Os estudos apontam que as gestantes, independente de terem ou não comorbidades, são grupo de risco para agravamento pela Covid. Por isso, a vacinação é essencial para proteger nossas grávidas e puérperas. Aqui, vacinamos o grupo com a vacina da Pfizer e os estudos apontam que o imunizante é seguro para ser utilizado neste público. O mesmo já é utilizado em vários países do mundo”, reforça o diretor de Vigilância Epidemiológica, Acacio Andrade.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar